Veja quanto custa mensalmente para morar no Rio de Janeiro

O Rio de janeiro é sempre referência em alguns aspectos como educação e oportunidades para a sua carreira, por isso muita gente planeja morar neste estado e construir sua vida. O problema é saber o custo mensal médio para se mudar para a região e a fim de ajudar você a montar o seu orçamento, vamos mostrar abaixo alguns gastos que você provavelmente vai ter. Confira quanto custa morar no Rio:

Impostos Obrigatórios

Vamos começar falando de valores dos quais você não estará livre caso decida morar no Rio de Janeiro. Em primeiro lugar, vamos pensar nos impostos que geralmente são semelhantes para a toda região, neste caso o licenciamento do seu veículo e o DPVAT do mesmo.

Por estas taxas você estará pagando a mesma coisa que a maioria dos brasileiros, mas o mesmo não pode ser dito em relação ao valor do IPVA. No Rio de Janeiro, a porcentagem é de 4% sobre o valor original do veículo, quase 2% a mais do que a maioria dos estados.

O IPTU também é mais caro para os cariocas, sendo um dos mais altos do país já que o estado é bastante populoso e possui um dos metros quadrados mais valorizados, custando R$ 40,63 por metro quadrado.

Saiba mais sobre o IPTU Rio de Janeiro.

Alimentação

Agora vamos focar um pouco na alimentação, um gasto constante e inevitável. Se você for fazer compras em um mercadinho comum, poderá estar pagando R$ 4,42 por um quilo de feijão.

Você também pode incluir no seu carrinho 5 quilos de arroz por R$ 12,26. E se você gostar de adicionar à feira uma boa cervejinha, saiba que a cerveja em garrafa custa R$ 8,65.

Quem não dispensa uma boa Coca-Cola no almoço, estará pagando cerca de R$ 8,65 por garrafa. Enquanto o pão francês estará custando R$ 11,41 por quilo.

Lazer

O lazer é um ponto interessante, pois vez ou outra você acabará desfrutando dos pontos de referência do Rio de Janeiro. Portanto, vale a pena estar preparado para gastos como restaurante.

Um almoço simples pode variar entre R$ 18,92 e R$ 82,20, dependendo se o restaurante é caro ou barato. Já o ingresso para o cinema pode sair um pouquinho caro, sendo cerca de R$ 27,12 a inteira.

Se você gosta de ir ao teatro, vale a pena enfatizar que o Rio é líder de referências culturais e valoriza bastante a arte. Você estará pagando em média R$ 54,00 pelo ingresso.

Transporte

Outro aspecto fundamental para quem irá morar no estado, é o custo médio com transporte. A passagem de ônibus na região custa R$ 3,95 enquanto a de metrô é de R$ 4,30.

Quem vai andar de carro, deverá estar desembolsando R$ 4,89 por litro de gasolina. Se preferir etanol, o motorista pagará em torno de R$ 3,62 por litro.

Ou seja, para encher um tanque de 100 litros do carro duas vezes por mês, o motorista precisará ter disponíveis R$978. E possuir ainda um extra para gastar com estacionamento, sendo R$ 15,07 por hora no centro.

 

Com ou sem crise

A exportação de jogadores brasileiros de futebol é considerada, hoje, um grande negócio, com ou sem crise, onde todos ganham: o clube que vende (no geral, está endividado), o jogador (louco por ascensão profissional e mais dinheiro) e o empresário, o maior beneficiado. No livro Bola Fora: A História do Êxodo do Futebol Brasileiro, de Paulo Vinicius Coelho, o PVC, há bom exemplo.

A Traffic comprou Henrique, revelação do Coritiba na série B de 2007, em março de 2008, por R$ 6 milhões, colocou o jogador no Palmeiras e no meio do ano, ele foi vendido para o Barcelona por R$ 26 milhões. O Palmeiras tinha direito a 20% sobre o que superasse os R$ 6 milhões iniciais (cerca de R$ 4 milhões) e a empresa ficou com R$ 16 milhões, um lucro de 166% em seis meses. Do colunista Giba Um.

A exportação de jogadores brasileiros de futebol é considerada, hoje, um grande negócio, com ou sem crise, onde todos ganham: o clube que vende (no geral, está endividado), o jogador (louco por ascensão profissional e mais dinheiro) e o empresário, o maior beneficiado. No livro Bola Fora: A História do Êxodo do Futebol Brasileiro, de Paulo Vinicius Coelho, o PVC, há bom exemplo.

A Traffic comprou Henrique, revelação do Coritiba na série B de 2007, em março de 2008, por R$ 6 milhões, colocou o jogador no Palmeiras e no meio do ano, ele foi vendido para o Barcelona por R$ 26 milhões. O Palmeiras tinha direito a 20% sobre o que superasse os R$ 6 milhões iniciais (cerca de R$ 4 milhões) e a empresa ficou com R$ 16 milhões, um lucro de 166% em seis meses. Do colunista Giba Um.

Cida se empenha pela internacionalização do aeroporto de Maringá

Recentemente, em audiência com o secretário dos transportes Rogério Tissot, a deputada Cida Borghetti (PP) defendeu a ampliação do aeroporto de Maringá, para aumentar a capacidade de importação e exportação do município. Junto com o superintendente do aeroporto, Marcos Valêncio, Cida solicitou ao secretário a liberação da contrapartida de 30% do Governo do Estado para construção de um pátio para aeronaves de carga. A medida faz parte das atividades de internacionalização do aeroporto da cidade, da qual a deputada tem se empenhado. Segundo ela, a obra foi incluída no Programa Federal de Auxílio aos Aeroportos (PROFAA), liberado pelo Governo Federal e, agora, também recebeu aval do Governo do Estado. Orçado em R$ 3,6 milhões, o novo pátio terá 13 mil metros quadrados e vai permitir embarque e desembarque de aeronaves maiores.

Recentemente, em audiência com o secretário estadual dos Transportes Rogério Tissot, a deputada Cida Borghetti (PP) defendeu a ampliação do aeroporto de Maringá, para aumentar a capacidade de importação e exportação do município. Junto com o superintendente do aeroporto, Marcos Valêncio, a deputada solicitou ao secretário a liberação da contrapartida de 30% do Governo do Estado para construção de um pátio para aeronaves de carga. A medida faz parte das atividades de internacionalização do aeroporto da cidade, da qual a Cida tem se empenhado. Segundo ela, a obra foi incluída no Programa Federal de Auxílio aos Aeroportos (Proafaa), liberado pelo Governo Federal e, agora, também recebeu aval do Governo do Estado. Orçado em R$ 3,6 milhões, o novo pátio terá 13 mil metros quadrados e vai permitir embarque e desembarque de aeronaves maiores.