• Anuncie Aqui

Equador dá início ao processo de adesão ao Mercosul

publicado em 20 de junho de 2013

O presidente do Equador, Rafael Correa, solicitou à Presidência do Mercosul – atualmente sob o comando do Uruguai – que analise a possibilidade de adesão como membro pleno do bloco, segundo o ministro do Comércio Exterior, Francisco Rivadeneira. A solicitação formal dá início ao processo de negociação. O Mercosul é integrado pelo Brasil, a Argentina, o Uruguai, Paraguai (que está suspenso temporariamente) e a Venezuela. A Bolívia também negocia a adesão como membro pleno.

“O presidente Rafael Correa nos instruiu, ele quer que avancemos no processo de negociação com o Mercosul”, informou o ministro. O detalhamento técnico, que até então era uma das barreiras nas negociações, será apresentado nos próximos dias pelo Equador.

Rivadeneira referiu-se à flexibilização sobre as normas de origem de produtos sensíveis e salvaguarda de câmbio, assim como à melhora no processo de aplicação das barreiras tarifárias. Segundo ele, o processo de integração deve garantir a proteção dos empregos e das pequenas empresas, assim como dos mais pobres da sociedade.

(mais…)

CNA inaugura Espaço Agro Brasil em Bruxelas

publicado em 19 de junho de 2013

Inauguracao_1
Determinada a reforçar a política de defesa dos interesses comerciais do setor agropecuário brasileiro em mercados estratégicos, a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) inaugurou nesta quarta-feira (19/06), em Bruxelas, um escritório de representação junto à União Europeia.

O principal objetivo desta representação é participar mais ativamente do debate sobre os entraves ao comércio bilateral, desenvolvendo ações conjuntas e paralelas às realizadas pelo governo brasileiro. Tudo isto, com vistas à construção de um possível acordo de livre comércio com o bloco que já é um dos principais parceiros do comércio exterior agrícola brasileiro.

As barreiras impostas pela União Europeia dificultam as exportações brasileiras, encarecem determinados produtos e praticamente inviabilizam a entrada no bloco de diversos alimentos do País. Para contorná-las, a CNA pretende levar mais informações e dados que mostrem aos europeus a qualidade dos produtos brasileiros.

(mais…)

InterComex 2013 mostrará caminhos para negócios internacionais

publicado em 19 de junho de 2013

InterComex 2013
O diretor de Relações Externas do Instituto para Logística de Flandres, organismo oficial do governo belga de apoio às operações de comércio exterior, Francis Rome, falará sobre os caminhos para facilitar o ingresso de empresas e produtos brasileiros na Europa, usando a Bélgica como porta de entrada, no InterComex 2013 (1º Congresso Internacional de Comércio Exterior e Logística), que será realizado durante à Transposul 2013 (15ª Feira e Congresso de Transporte e Lógística), promovida pelo SETCERGS (Sindicato das Empresas de Transporte de Carga e Logística no Rio Grande do Sul), nos dias 3 a 5 de julho, no Centro de Eventos da FIERGS, em Porto Alegre (RS). Considerado por publicações especializadas em logística, como um dos mais promissores jovens executivos chineses, o gerente geral de Comércio e Marketing da Shenygang North Traffic Group, Hao Da, mostrará as perspectivas de negócios entre o Brasil e a China. O representante do Porto de Houston, no Texas, John Cuttino, apresentará as vantagens de utilizar o terminal portuário do Golfo do México na movimentação de cargas de importação e exportação.

A programação da Transposul também abrigará o 3º Fórum de Serviços, organizado pela Fecomércio/RS, no dia 4 de julho, das 14h às 16h. O primeiro painel será Facilitação do Comércio, com o Coordenador Executivo da Aliança para Modernização Logística do Comércio Exterior – PROCOMEX, John Edwin Mein. Mestre em Finanças e Administração de Empresas Multinacionais e filósofo pela Carson Newman College, dos Estados Unidos, é ex-presidente da SOBEET (Sociedade Brasileira de Estudos das Empresas Transnacionais e da Globalização Econômica). O segundo, Experiências na Exportação de Serviços, com André Luís Notini Rodrigues, especialista em Acordos Internacionais de Comércio e Certificação de Origem Mercosul e Aladi, analista de Comércio Exterior da Fecomércio/MG e integrante do Mapa Estratégico do Comércio Exterior de Minas Gerais. O último, Esclarecimentos sobre o SISCOSERV, com Radamés Brum e Fernando Magri, da Softway.

(mais…)

Fluxo cambial está negativo em US$ 69 milhões neste mês

publicado em 19 de junho de 2013

As saídas de dólares do país superaram as entradas em US$ 69 milhões, neste mês, até o dia 14, de acordo com dados do Banco Central (BC), divulgados hoje (19). Em maio, houve forte entrada de dólares no país, com saldo positivo do fluxo cambial em US$ 10,755 bilhões.

Nas duas primeiras semanas do mês, o fluxo comercial (operações relacionadas a exportações e importações) registrou saldo negativo de US$ 101 milhões, enquanto o fluxo financeiro (investimentos em títulos, remessas de lucros e dividendos ao exterior e investimentos estrangeiros diretos, entre outras operações) ficou positivo em US$ 33 milhões.

De janeiro até 14 de junho, o fluxo cambial ficou positivo em US$ 12,102 bilhões. O fluxo comercial registrou saldo positivo de US$ 18,623 bilhões e o financeiro apresentou resultado negativo de US$ 6,520 bilhões.

Vendas externas de carne bovina crescem 15%

publicado em 19 de junho de 2013

carne-bovina
As exportações brasileiras de carne bovina avançaram 15% em receita entre janeiro e maio deste ano sobre o mesmo período de 2012 para US$ 2,5 bilhões, de acordo com dados divulgados pela Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec). Nos cinco primeiros meses do ano passado o valor estava em US$ 2,1 bilhões. Também houve avanço em volume, de 22,57%, para 562 mil toneladas.

O maior mercado da carne bovina nacional no exterior foi Hong Kong, com crescimento de 63% e 142,3 mil toneladas enviadas. O segundo comprador foi a Rússia, com 132,4 mil toneladas, e o terceiro foi a União Europeia, com 50,4 mil toneladas. A Venezuela está na quarta posição, o Chile na quinta e o Egito na sexta. Entre os mercados árabes, também o Líbano está no ranking dos dez primeiros principais compradores, em décimo lugar, com volume importado de 6,6 mil toneladas.

(mais…)

Exportações de calçados aumentam no mês de maio

publicado em 19 de junho de 2013

CALÇADOS-5
Dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) elaborados pela Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados) apontam que o mês de maio foi de incremento para as exportações de calçados. No mês cinco, foram exportados 8,9 milhões de pares que equivalem a US$ 86,2 milhões, aumento de 18,4% em pares e 14,3% em receitas na relação com o mesmo mês do ano passado. No acumulado dos cinco primeiros meses do ano, os embarques de 52,55 milhões de pares geraram receitas de US$ 455,48 milhões, valores 10% superiores em volume e 2,6% em dólares no comparativo com o mesmo período de 2012. Por outro lado, o preço médio do par no acumulado caiu 6,8%, de US$ 9,30 para US$ 8,67.

(mais…)

Brasil não pode ser apenas exportador de ‘commodities’, diz presidente da CNI

publicado em 18 de junho de 2013

CAE - Comissão de Assuntos Econômicos
Durante audiência pública nesta terça-feira no Senado, o presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Braga de Andrade, afirmou que um país de dimensões continentais como o Brasil “não pode se dar o luxo de viver apenas de bens primários, commodities e serviços”. Comentário semelhante foi feito pelos senadores Lindbergh Farias (PT-RJ), presidente da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), e Armando Monteiro (PTB-PE), que já presidiu a CNI.

Em entrevista à Agência Senado, Robson Andrade disse que “não há países ricos, com distribuição de renda e inclusão social que não tenham uma indústria muito forte”. Ao defender o fortalecimento desse setor, ele ressaltou que a indústria nacional é diversificada e está espalhada pelo país.

(mais…)

MP dos Portos absolveu terminais infratores

publicado em 18 de junho de 2013

SERGIO MOTTA
De Sérgio Motta *

A MP dos Portos, a 595, que virou a Lei 12.815 , está cheia de erros, problemas e até inconstitucionalidades. Tudo isso, na opinião de dois especialistas: José Augusto Valente e Samuel Gomes. Valente é consultor em logística e diretor-executivo do portal T1; já Gomes é advogado, integrante da Rede de Especialistas Iberoamericanos em Infraestrutura e Transporte. Em artigo publicado no Jornal dos Economistas, do Rio de Janeiro, declaram não ser verdade que o setor portuário vivia sob estrutura arcaica. Lembram que a Lei dos Portos, do Governo Itamar – gerada a partir de projeto de lei e não MP – tem apenas 20 anos. Essa lei, de 93, defendia o sistema de “landlord”, aquele em que cabe ao Estado o planejamento e aos particulares a operação.

“É o modelo mais moderno do mundo, aplicado em Rotterdam (Holanda), Gênova (Itália), Hamburgo (Alemanha) e em inúmeros países desenvolvidos”. Afirmam: “Segundo o Tribunal de Contas da União (TCU), a Secretaria Especial de Portos (SEP) e a Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) boicotaram seu funcionamento, complacentes com a prestação ilegal de serviço público por terminais de uso misto”. Acentuam: “O governo atuou junto ao TCU para impedir o julgamento do processo 015.916/2009-0. A base do julgamento seria um robusto relatório da Secretaria de Fiscalização de Desestatização e Regulação (Sefid), que, consolidando anos de extensa e profunda investigação, concluía pela inconstitucionalidade e ilegalidade da prestação de serviço público sem licitação pelos terminais Cotegipe (BA), Portonave(SC), Itapoá (SC) e Embraport (SP)”.

(mais…)

Reunião do Mercosul está agendada para julho

publicado em 18 de junho de 2013

MERCOSUL-1
A próxima reunião do Mercosul, que será no Uruguai, tem nova data: 12 de julho. O encontro tinha sido suspenso em meio às críticas de empresários brasileiros sobre a política comercial argentina. A data foi informada pelas autoridades uruguaias.

A reunião tinha sido marcada para junho e foi adiada porque o presidente do Uruguai, José ‘Pepe’ Mujica, que será o anfitrião do encontro, queria contar com a presença do Paraguai, que está suspenso.

A decisão seria esperar a posse do presidente eleito do Paraguai, em agosto.
Após dúvidas e diferenças internas, o encontro chegou a ser adiado sem data marcada.

(mais…)

BC intervém no mercado de câmbio, mas dólar fecha no maior nível em quatro anos

publicado em 17 de junho de 2013

AAAADOLARO Banco Central (BC) injetou quase US$ 2 bilhões no mercado de câmbio depois que o dólar atingiu R$ 2,1728. A venda dos dólares no mercado futuro conteve o ritmo de alta. O dólar comercial fechou em R$ 2,1661 para venda, alta de 0,84%, o maior valor desde 30 de abril de 2009.

O leilão de swap cambial tradicional foi anunciado às 16h30. O BC ofertou 40 mil contratos com vencimento em 1º de agosto e 2 de setembro de 2013, dos quais 39 mil foram vendidos por US$ 1,96 bilhão.

A moeda norte-americana chegou a iniciar o dia em queda, atingindo R$ 2,1441 na mínima do dia, por volta das 9h30. A cotação subiu de forma consistente nas horas seguintes, até atingir R$ 2,16 por volta das 15h. A pressão sobre o dólar intensificou-se até o câmbio ultrapassar R$ 2,17 por volta das 15h30.

(mais…)

  • Anuncie Aqui

Página 248 de 258« Primeira...102030...246247248249250...Última »