Exportações de carne suína crescem 16,9% em 2017

publicado em 16 de março de 2017

Levantamentos feitos pela Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) mostram que as exportações brasileiras de carne suína (considerando todos os produtos, entre in natura e processados) alcançaram 116,1 mil toneladas neste primeiro bimestre, superando em 16,9% o volume embarcado no mesmo período do ano anterior, de 99,3 mil toneladas.
Em receita cambial, a alta acumulada no primeiro bimestre chegou a 52,3%, com US$ 252,7 milhões, contra US$ 165,9 milhões obtidos no ano anterior.

Considerando apenas o mês de fevereiro, houve decréscimo de 0,7% no volume embarcado, com 51,7 mil toneladas – contra 52,1 mil toneladas exportadas em fevereiro de 2016.

Já em receita cambial houve elevação de 31,8% em fevereiro, com US$ 113,6 milhões (frente à US$ 86,2 milhões no segundo mês do ano passado).

(mais…)

SALDO POSITIVO PARA MARCAS BRASILEIRAS DE MODA NA FRANÇA

publicado em 15 de março de 2017

Quatro empresas participantes do Texbrasil – Programa de Internacionalização da Indústria Têxtil e de Moda Brasileira, desenvolvido pela Abit em parceria com a Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos) – marcaram presença nos tradicionais salões franceses Tranoï e Vendôme Luxury, realizados na cidade de Paris entre os dias 3 e 6 de março. Como resultado, as brasileiras LN Deluxe, Patricia Bonaldi, Vitor Zerbinato e Anamaria Couture fecharam negócios no valor de US$ 220 mil durante os eventos, com estimativas de vendas de US$ 710 mil para os próximos 12 meses.

A coleção de outono/inverno 2017 da Anamaria Couture chamou a atenção do público do salão de artigos de luxo Vendôme, do qual a marca participou mais uma vez. “A experiência com esta coleção foi excelente em todos os aspectos. Fiquei muito satisfeita com os resultados e feliz em retornar com resultados positivos. Reencontramos antigos clientes e conquistamos novos”, afirma Cátia Macedo, responsável pelas exportações. Para Andrea Sanchez, gerente comercial da Vitor Zerbinato, o acabamento e a modelagem das peças da grife foram muito bem recebidos pelo público. “A participação na feira atingiu as expectativas esperadas pela marca, fechamos alguns negócios e fizemos contatos para futuros”, comenta.

(mais…)

VINÍCOLAS BRASILEIRAS PROJETAM NEGÓCIOS DE US$ 950 MIL EM FEIRA EM DUSELDORF

publicado em 15 de março de 2017

A participação de 10 vinícolas brasileiras na ProWein, em Duseldorf, na Alemanha, deve resultar em negócios de US$ 950 mil. A projeção é das empresas que estarão no estande J28, no hall 9, entre os dias 19 e 21, naquela que é considerada a maior feira de vinhos do mundo. A ação é do projeto setorial Wines of Brasil, desenvolvido pelo Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), por meio do Fundo de Desenvolvimento da Vitivinicultura do RS (Fundovitis) em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

A participação na ProWein é considerada estratégica por atrair compradores de todo o mundo, em especial os do velho continente. Em 2016, as vinícolas brasileiras ampliaram o valor das exportações para os países europeus em 10% em relação ao ano anterior, com a comercialização de US$ 1,24 milhão. Em volume, as vendas atingiram 272,2 mil litros, alta de 7,6% sobre 2015, remetidos para 11 países.

(mais…)

Brasil participa da maior feira do setor odontológico do mundo

publicado em 14 de março de 2017

Empresas associadas à ABIMO (Associação Brasileira da Indústria de Artigos e Equipamentos Médicos, Odontológicos, Hospitalares e de Laboratórios) e que fazem parte do Projeto Brazilian Health Devices, executado pela entidade em parceria com a Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos), estarão na maior feira do mundo do setor odontológico, a IDS (International Dental Show), que acontece de 21 a 25 de março de 2017, em Colônia, na Alemanha. A IDS, feira bianual, desempenha papel de sucesso na apresentação de novas tecnologias e inovação relacionada ao setor odontológico mundial.

Em 2015, a feira recebeu 2.200 expositores de produtos e artigos odontológicos vindos de 56 países. Com 150 mil metros quadrados de exposição e 70% de público internacional, o número de visitantes bateu recorde e atingiu a marca de 138 mil pessoas de 151 países. No pavilhão brasileiro, organizado pela ABIMO e pela Apex-Brasil, as 25 empresas expositoras, reunidas em 333 metros quadrados, fizeram mais de 1.600 contatos, que contabilizaram US$ 1.220.800 em negócios no decorrer da feira. Durante o ano subsequente, foram mais de US$ 3,5 milhões de transações comerciais decorrentes da participação no evento. “A última edição bateu o recorde em negócios de todas as edições que participamos, por isso estamos com expectativas rentáveis para o próximo ano”, ressalta Laísa França, coordenadora de promoção comercial da ABIMO.

(mais…)

Crescimento do agronegócio brasileiro será maior do que no resto do mundo

publicado em 14 de março de 2017

Desempenho do setor até 2026 será melhor em várias áreas, como no caso da soja, milho e carnes

O desempenho do agronegócio brasileiro no período de 2016 a 2026 será melhor do que a média mundial para produtos como soja, milho, açúcar e carnes (bovina, suína e frango), aumentando a participação do País no mercado global. Apesar disso, não repetirá para os próximos dez anos a robusta taxa de crescimento apresentada na última década em relação à produção e às exportações das principais culturas.

A conclusão é do “Outlook Fiesp 2026 – Projeções para o Agronegócio Brasileiro”, levantamento elaborado pelo Departamento de Agronegócio (Deagro) da Fiesp, que reúne diagnósticos e projeções do setor para a próxima década, em termos de produção, produtividade, consumo doméstico e exportações.

(mais…)

Fimec reúne o setor calçadista brasileiro em Novo Hamburgo

publicado em 14 de março de 2017

Com data marcada para os dias 14, 15 e 16 de março, a 41ª edição da Fimec (Feira Internacional de Couros, Produtos Químicos, Componentes, Máquinas e Equipamentos para Calçados e Curtumes), reúne os principais lançamentos do complexo coureiro-calçadista durante três dias, das 13 às 20 horas, nos pavilhões da Fenac, em Novo Hamburgo. Serão mais de 500 expositores reunidos em um só lugar apresentando produtos, processos de produção e inovação de mais de 900 marcas relacionadas ao setor. Considerado um dos eventos mais importantes do complexo coureiro-calçadista na América Latina, a Fimec é um espaço de inovação e fortalecimentos de negócios, já que durante o evento, visitantes conferem métodos tecnológicos que permitem o aumento da produtividade na indústria e formalizam compras das produções das próximas temporadas.

(mais…)

Balança comercial: exportações crescem 25% na segunda semana de março

publicado em 13 de março de 2017

Houve aumento das vendas nas três categorias de produtos: básicos, semimanufaturados e manufaturados

Na segunda semana de março, a balança comercial brasileira teve superávit de US$ 1,725 bilhão, resultado de exportações de US$ 4,868 bilhões e importações de US$ 3,142 bilhões. No mês, as exportações chegam a US$ 7,268 bilhões e as importações, a US$ 4,848 bilhões, com saldo positivo de US$ 2,420 bilhões. No acumulado do ano, os embarques ao exterior somam US$ 37,649 bilhões e as compras externas são de US$ 27,950 bilhões, com saldo positivo de US$ 9,699 bilhões.

Pela média da segunda semana (US$ 973,6 milhões), as vendas externas tiveram crescimento de 21,7% sobre a média da primeira semana do mês (US$ 800 milhões). Os valores foram influenciados, principalmente, pelo aumento das exportações nas três categorias de produtos: básicos (+31,2% de crescimento, influenciado por petróleo em bruto, soja em grão, minério de cobre, farelo de soja, café em grão), semimanufaturados (+19,3%; ouro em formas semimanufaturadas, celulose, açúcar em bruto, óleo de soja, ferro fundido bruto e ferro spiegel) e manufaturados (+11%; tubos flexíveis de ferro/aço, veículos de carga, aviões, partes de motores e turbinas para aviação, açúcar refinado).

Nas importações, pela média diária da segunda semana (US$ 628,5 milhões) em comparação com a média da primeira semana (US$ 568,5 milhões), foi registrado um crescimento de 10,6%. O aumento é explicado, sobretudo, pelo aumento nos gastos com combustíveis e lubrificantes, adubos e fertilizantes, cereais e produtos da indústria da moagem, químicos orgânicos e inorgânicos, instrumentos de ótica e precisão.

(mais…)

Produção do setor eletroeletrônico cresce 2% em janeiro

publicado em 12 de março de 2017

A produção do setor eletroeletrônico apontou crescimento de 2% em janeiro de 2017 na comparação com o mesmo mês de 2016. É o que mostram os dados divulgados pelo IBGE e agregados pela Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee).

O resultado foi puxado pelo desempenho da indústria eletrônica, que apresentou expansão de 18,1%, enquanto a indústria elétrica sofreu decréscimo de 8,5%.

O presidente da Abinee, Humberto Barbato, destaca que este é o segundo mês consecutivo que a produção apresenta crescimento em relação ao mesmo mês do ano anterior. Em dezembro de 2016, foi registrada expansão de 8% na comparação com o mesmo mês de 2015.

(mais…)

Com aumento de 96,3%, exportações de soja em grão tiveram recorde em fevereiro

publicado em 11 de março de 2017

As exportações de soja em grão tiveram aumento de 96,3% em fevereiro deste ano, atingindo US$ 1,4 bilhão, ante US$ 715,30 milhões do mesmo mês do ano passado. Isso ocorreu em razão dos acréscimos de 72,3% no volume embarcado, que saltou de 2,04 milhões de toneladas para 3,51 milhões de toneladas, e de 13,9% no preço. Os montantes de valor e volume de soja em grão representaram recordes para meses de fevereiro.

Os dados são da Balança Comercial do Agronegócio do mês passado, divulgada nesta sexta-feira (10) pela Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio (SRI) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Segundo nota da SRI, o complexo soja teve aumento de 65% nas exportações em fevereiro deste ano em relação ao mesmo mês do ano passado. Com isso, a participação da cadeia produtiva no valor exportado pelo setor agrícola saltou de 15,4% para 28,8%.

(mais…)

Agronegócio brasileiro terá representação em 42 países

publicado em 10 de março de 2017

Ampliação faz parte da estratégia do Ministério da Agricultura de elevar de 7% para 10% a participação do Brasil no comércio agrícola mundial

O agronegócio brasileiro terá representação em 42 países, duas organizações internacionais (Organização Mundial do Comércio e Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura) e na União Europeia. A decisão foi definida pelos ministérios da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e das Relações Exteriores.

Em maio do ano passado, o governo aumentou de oito para 25 o número de adidos agrícolas nas representações diplomáticas no exterior. A ampliação faz parte da estratégia do Mapa de elevar de 7% para 10% a participação do Brasil no comércio agrícola mundial. O adido atua na abertura, manutenção e ampliação de mercados para o agronegócio brasileiro, contribuindo para geração de divisas e empregos no Brasil.

(mais…)

  • Anuncie Aqui

Página 10 de 302« Primeira...89101112...203040...Última »