• Anuncie Aqui

Alterada tarifa de importação de bens de capital, informática e telecomunicação

publicado em 2 de Março de 2018

No total são 780 produtos beneficiados com redução de tarifa de importação de bens de capital e 50 de informática e telecomunicações

Brasília (02 de março) – Foram publicadas hoje, no Diário Oficial da União (DOU), as Resoluções Camex nº 14 e nº 15 que reduzem temporariamente para zero o Imposto de Importação para bens de informática e telecomunicações e de bens de capital. As reduções tarifárias que entram hoje em vigor, de acordo com o regime de ex-tarifário, são temporárias e as importações sem tarifas podem ser feitas até 31 de dezembro de 2019 de acordo com o que estabelecem as duas novas Resoluções Camex.

No total são 50 produtos beneficiados com a redução para bens de informática e telecomunicações, entre eles estão equipamentos como impressoras digitais de etiquetas e jato de tinta; máquinas de impressão digital colorida, a “laser”, entre outros. Já em relação a bens de capital há 780 produtos listados, são itens como escavadeiras hidráulicas autopropulsadas sobre pneus; prensas hidráulicas para preparação de carnes; entre outros.

(mais…)

Camex aplica antidumping provisório para importações de borracha nitrílica da França e da Coreia do Sul

publicado em 2 de Março de 2018

Brasília (02 de março) – Foi publicada hoje, no Diário Oficial da União (DOU), a Resolução Camex nº 08, que aplica direito antidumping provisório (por até seis meses) sobre as importações brasileiras de borracha nitrílica da França e da Coreia do Sul. O produto está classificado no código 4002.59.00 da Nomenclatura Comum do Mercosul (NCM). O direito antidumping será aplicado na forma de alíquota específica fixa conforme o descrito no quadro abaixo:

(mais…)

Tarifa adicional dos EUA sobre importações de aço e alumínio preocupa governo brasileiro

publicado em 2 de Março de 2018

O governo do Brasil recebe com enorme preocupação a informação divulgada nesta quinta-feira (01) de que o governo dos Estados Unidos pretende aplicar tarifa adicional de 25% sobre as importações de aço, e de 10% sobre as de alumínio, como decorrência da investigação com base na Seção 232 da “Lei de Expansão Comercial”, de 1962. Caso confirmada, a restrição comercial afetará exportações brasileiras de ambos setores.

Na última terça-feira (27/2), o ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), Marcos Jorge, esteve reunido em Washington com o secretário de Comércio dos Estados Unidos, Wilbur Ross, justamente para reiterar que o aço brasileiro não representa ameaça à segurança nacional norte-americana, e que as estruturas produtivas siderúrgicas de ambos os países são complementares, uma vez que cerca de 80% das exportações brasileiras de aço são de produtos semiacabados, importante insumo para a indústria siderúrgica norte-americana. Ao mesmo tempo, o Brasil também é o maior importador de carvão siderúrgico norte-americano (cerca de US$ 1 bilhão em 2017), que constitui insumo relevante para a produção brasileira de aço, parcialmente exportada aos Estados Unidos.

(mais…)

INSCRIÇÕES PRORROGADAS PARA EVENTO DE EMPREENDEDORISMO FEMININO NO REINO UNIDO

publicado em 2 de Março de 2018

As inscrições para o SheTrades Global, que acontece de 26 a 28 de junho, em Liverpool, no Reino Unido, foram prorrogadas até 31 de março. O evento conta com o apoio da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e faz parte da programação do International Business Festival.

Com foco no empoderamento feminino, o objetivo do encontro é promover oportunidades de negócios e investimentos, novas conexões comerciais, melhorar a visibilidade das empresas, expandir a rede de contatos das empresárias, desenvolver competências, aumentar a diversidade dos fornecedores e descobrir novas tendências para os negócios internacionais.

(mais…)

Balança comercial fecha fevereiro com maior superávit para o mês em 30 anos

publicado em 1 de Março de 2018

A balança comercial – diferença entre exportações e importações – fechou fevereiro com o maior saldo positivo para o mês desde o início da série histórica, em 1989. No mês passado, o país vendeu US$ 4,907 bilhões a mais do que comprou do exterior, de acordo com o Ministério do Desenvolvimento, Comércio Exterior e Serviços (Mdic).
COLHEITA DA SOJA TOLEDO(09-20A)DATA 20.03.2001FOTO NANI GOIS

O recorde anterior da balança comercial em meses de fevereiro havia sido registrado no ano passado, quando o superávit da balança comercial tinha atingido US$ 4,555 bilhões. O resultado deste ano, no entanto, foi inflado pela exportação de uma plataforma de petróleo no valor de US$ 1,535 bilhão que não saiu do país, mas foi comprada por subsidiárias brasileiras no exterior e, em seguida, registrada no Brasil como equipamento alugado.

Chamado de exportação ficta, esse tipo de operação com equipamentos de grande volume, como plataformas de petróleo e embarcações navais, é legal e está dentro das normais internacionais de comércio.

(mais…)

Exportação de máquinas tem crescimento de 84% em janeiro

publicado em 1 de Março de 2018

Indústria brasileira vendeu ao exterior o equivalente a US$ 821 milhões no mês passado.

As exportações brasileiras de máquinas e equipamentos apresentaram forte crescimento em janeiro. Os embarques renderam US$ 820,93 milhões, 84,4% a mais do que no mesmo mês do ano passado, segundo dados divulgados nesta quarta-feira (28) pela Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq).

“De forma geral, boa parte da melhora observada nos últimos meses das exportações pode ser explicada pelo crescimento da atividade econômica no mundo, e também pela fraca demanda interna, que tem influenciado muitas empresas a manter suas atividades produtivas nas exportações, ainda que, eventualmente, com rentabilidade reduzida em função do câmbio apreciado”, destacou a entidade em nota.

(mais…)

Grupo Técnico de Serviços da Camex define plano de trabalho

publicado em 28 de Fevereiro de 2018

Em sua primeira reunião, o GT Serviços considerou como prioritários cinco eixos de trabalho

O Grupo Técnico de Serviços (GT Serviços), criado pelo Comitê Executivo de Gestão da Camex (Gecex) para discutir e propor políticas públicas voltadas para o setor de serviços, mais especificamente de comércio exterior, realizou nesta terça-feira (27) sua primeira reunião. No encontro o colegiado deliberou sobre as definições das ações prioritárias a serem acompanhadas e implementadas pelo grupo a partir do Plano de Trabalho do GT.

O grupo considerou como prioritários cinco eixos de trabalho: a melhoria do ambiente de negócios para o setor de serviço (dividido em importação e exportação, focado principalmente nas questões tributárias), financiamento e garantias às exportações, economia de Serviço e Comércio Eletrônico, facilitação do Comércio de Serviços, e reforço de coordenação governamental do setor de serviço.

Para a secretária-executiva da Camex, Marcela Carvalho, o plano de trabalho que vai pautar o colegiado é viável, considerando o atual cenário político e macroeconômico. “O plano de trabalho do GT propõe ações que poderão ser implementadas com alterações infralegais e que não gerem renúncia fiscal”, contou.

(mais…)

Maratona Brazilian Footwear: feiras internacionais de fevereiro devem gerar quase US$ 28 milhões

publicado em 28 de Fevereiro de 2018

Durante o mês de fevereiro, o Brazilian Footwear, programa de apoio às exportações de calçados mantido pela Abicalçados em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), viabilizou a participação e 113 marcas verde-amarelas em três grandes feiras mundo afora.

Na primeira, a IFLS, em Bogotá/Colômbia, ocorrida entre 30 de janeiro e 1º de fevereiro, a participação de 23 grifes gerou U$ 1,5 milhão de negócios in loco, sendo mais US$ 3 milhões a expectativas de negócios alinhavados durante o evento.

Já na participação de 69 marcas na theMicam, feira que aconteceu em Milão/Itália entre 11 e 14 de fevereiro, os negócios imediatos chegaram a US$ 7,6 milhões, com expectativas de gerar outros US$ 20 milhões em negociações iniciadas na mostra.

(mais…)

Câmara Árabe fará missão ao Norte da África

publicado em 28 de Fevereiro de 2018

Delegação empresarial visitará a Mauritânia, Egito, Tunísia e Jordânia de 10 a 25 de abril. A ideia é levar até 20 empresas brasileiras, principalmente dos setores de alimentos e bebidas, agronegócio, calçados e cosméticos

A Câmara de Comércio Árabe Brasileira promove uma Missão Comercial para o Norte da África e a Jordânia de 10 a 25 de abril. A ideia é levar de 15 a 20 empresas brasileiras, principalmente dos setores de alimentos e bebidas, agronegócio, calçados e cosméticos. Os países visitados serão Tunísia, Mauritânia, Egito e Jordânia.

O primeiro país visitado será a Jordânia, no Oriente Médio, de 10 a 12 de abril, depois o Egito, de 15 a 17, a Tunísia, de 18 a 20, e a Mauritânia, de 23 a 25. Em cada país, serão realizados seminários com foco nos setores e produtos das empresas participantes. Os eventos acontecerão nas câmaras de comércio locais e têm por objetivos promover a troca de informações e a realização de contatos.

A missão promoverá também rodadas de negócios entre os exportadores brasileiros e importadores de cada país visitado, além de visitas técnicas de acordo com o perfil e os interesses de cada empresa participante.

(mais…)

ABPA quer ampliar exportações de proteína animal para o México

publicado em 27 de Fevereiro de 2018

Destaque entre os países mais influenciados pelas novas configurações do comércio internacional, o México será o mercado-alvo de uma ação de promoção comercial organizada pela Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), durante a ExpoANTAD & Alimentaria 2018. A feira acontecerá entre 6 e 8 de março, na cidade mexicana de Guadalajara.

A ABPA contará com uma área exclusiva no evento para promoção das marcas setoriais Brazilian Chicken, Brazilian Egg e Brazilian Pork. Quatro empresas participarão da ação: Copacol, C Vale, Seara e Zanchetta Alimentos.

Além de rodadas de negócios com potenciais clientes e importadores mexicanos, a ação contará com a distribuição de material promocional em espanhol, com informações sobre as empresas e detalhes sobre os diferenciais produtivos da avicultura e da suinocultura do Brasil, como o status sanitário, a qualidade e o perfil sustentável da produção.

Além da ação na ExpoANTAD & Alimentária, a equipe da ABPA participará de uma série de encontros com representações de importadores mexicanos e da representação oficial brasileira no México. Em pauta, além do reforço às exportações avícolas, serão abordadas as tratativas para a abertura deste mercado à carne suína made in Brazil.

(mais…)

  • Anuncie Aqui

Página 10 de 274« Primeira...89101112...203040...Última »