Brasil quer ampliar as exportações de flores no Mercosul

publicado em 28 de março de 2017

O Brasil busca aumentar as exportações de flores, focando em países da América Latina, principalmente aqueles que integram o Bloco do Mercosul. Essas informações foram divulgadas pela Rede Agropecuária de Comércio Exterior (InterAgro), uma iniciativa conjunta da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil e da Apex-Brasil.

De acordo com a instituição, apesar dos mercados europeus e americanos possuírem valores comerciais mais elevados, os países do Mercosul oferecem vantagens como ausência de barreiras tarifárias relevantes e uma logística menos complicada. Nesta quarta-feira (22/3), será realizado um seminário sobre o comércio exterior de flores, onde serão debatidas estratégias para aumentar as exportações da floricultura brasileira. O evento faz parte da rede InterAgro.

(mais…)

Balança comercial: quarta semana de março tem superávit de US$ 1,6 bi

publicado em 27 de março de 2017

Exportação de carnes teve média diária de US$ 50,5 milhões, com queda de 19% em relação ao registrado até a terceira semana do mês

Na quarta semana de março de 2017, a balança comercial registrou superávit de US$ 1,602 bilhão, resultado de exportações no valor de US$ 4,453 bilhões e importações de US$ 2,851 bilhões. No mês, as exportações somam US$ 15,982 bilhões e as importações, US$ 10,525 bilhões, com saldo positivo de US$ 5,457 bilhões. No ano, as exportações totalizam US$ 46,363 bilhões e as importações, US$ 33,627 bilhões, com saldo positivo de US$ 12,736 bilhões. Quanto ao grupo das carnes, a média diária de exportações da quarta semana foi de US$ 50,5 milhões, com queda de 19% menor em relação ao valor registrado até a terceira semana de março (US$ 62,2 milhões).

A média das exportações da quarta semana (US$ 890,6 milhões) foi 0,4% acima da média até a terceira semana (US$ 886,9 milhões) em razão do aumento nas exportações de produtos básicos (+3,9%, por conta de soja em grãos, minério de ferro, cinzas e resíduos de metais preciosos, mel natural). Caíram as vendas de produtos semimanufaturados (-15,5%, em razão de açúcar em bruto, ferro-ligas, semimanufaturados de ferro/aço, couros e peles, alumínio em bruto) e manufaturados (-0,7%, em razão de laminados planos de ferro/aço, óleos combustíveis, hidrocarbonetos e seus derivados halogenados, óxidos e hidróxidos de alumínio, tubos de ferro fundido).

(mais…)

Acordo entre Mercosul e União Europeia aumenta acesso do Brasil a mercados com barreiras reduzidas, diz CNI

publicado em 27 de março de 2017

Atualmente, o país tem livre comércio com economias que representam menos de 8% das importações mundiais. Esse percentual subirá para 25% após a negociação com o bloco europeu

Levantamento da Confederação Nacional da Indústria (CNI) mostra que o Brasil tem vantagem comparativa em 1.101 produtos para exportar para a União Europeia. No entanto, os europeus mantêm tarifas, cotas de importação ou barreiras não-tarifárias para 68% deles, o que reduz a competitividade nacional.

A indústria espera que as negociações entre Mercosul e União Europeia, que ocorrem nesta semana em Buenos Aires, na Argentina, avancem e os dois blocos cheguem a um acordo com redução de barreiras ao comércio dos dois lados. A CNI lidera missão com 15 associações empresariais, que estão na capital argentina para apoiar as negociações.

(mais…)

Rodada de negócios da Plástico Brasil abre novos mercados

publicado em 26 de março de 2017

O Brasil recebeu, em março, importadores de oito países, interessados na tecnologia e competitividade das máquinas e acessórios brasileiros para cadeia produtiva do plástico, para participar da 1ª Rodada Internacional de Negócios realizada durante a Feira Internacional do Plástico e da Borracha – Plástico Brasil 2017, a convite do Programa BMS, desenvolvido pela ABIMAQ em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

Eles vieram da Argentina, Colômbia, Costa Rica, Egito, EUA, Índia, México e Rússia e reuniram-se com 26 fabricantes do setor, durante dois dias, num total de 177 reuniões. O resultado: além de US$ 30.680 milhões previstos entre negócios fechados e futuros para os próximos 12 meses, está na possibilidade cada vez mais concreta de ampliar seus horizontes e conquistar mercados antes não previstos.

(mais…)

Chile e Egito normalizam as importações de carne do Brasil

publicado em 25 de março de 2017

O governo brasileiro informa que os governos do Egito e do Chile, importantes parceiros comerciais, decidiram normalizar as importações de carne do Brasil após receberem todos os esclarecimentos e as informações técnicas transmitidas pelas autoridades competentes brasileiras.

O Ministério da Agricultura do Egito declarou oficialmente ter certeza da qualidade da carne brasileira após exames realizados por três diferentes órgãos governamentais, que atestaram também que a produção de frango e carne bovina no Brasil está de acordo com as leis islâmicas.

(mais…)

China reabre mercado às carnes brasileiras

publicado em 25 de março de 2017

A China anunciou hoje (25/03) a reabertura total do mercado às carnes brasileiras. Trata-se de atestado categórico da solidez e qualidade do sistema sanitário brasileiro e uma vitória de nossa capacidade exportadora. Nos últimos dias, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), o Itamaraty e a rede de embaixadas do Brasil no exterior trabalharam incansavelmente para o êxito que se anuncia hoje. A regularização do ingresso da carne brasileira na China mostra o espírito de confiança mútua entre os dois países e a disposição para dialogar com boa fé.

A China nunca fechou o mercado aos nossos produtos, mas apenas tomou medidas preventivas para que tivéssemos a oportunidade de oferecer todas as explicações necessárias e garantir a qualidade da nossa inspeção sanitária. Agradecemos o gesto de confiança da China, nosso parceiro estratégico, na credibilidade do sistema brasileiro.

Estados Unidos decidem manter importações de carne brasileira

publicado em 25 de março de 2017

Os EUA comunicaram oficialmente que não vão embargar as carnes brasileiras e seus derivados, embora tenham aumentado a inspeção, que fazem de rotina, sobre produtos cárneos que importam do país, informou nesta sexta-feira (24) o ministro Blairo Maggi (Agricultura, Pecuária e Abastecimento). “O embaixador americano, Michael McKinley, me ligou dizendo que essa é a posição de Sonny Perdue, indicado para ocupar o posto de secretário da Agricultura dos Estados Unidos.”

O ministro também esclareceu a respeito dos contatos que tem mantido com autoridades de outros países, como Hong Kong e China, para reduzir o impacto da Operação Carne Fraca, da Polícia Federal, sobre as exportações brasileiras de proteína animal.

(mais…)

BC eleva previsão para balança comercial em 2017

publicado em 25 de março de 2017

Aumento das exportações e do valor dos produtos devem garantir um saldo comercial maior que o esperado no ano

Com a alta nas exportações, além de preços melhores para o produtor, o resultado da balança comercial deve ser maior que o esperado inicialmente. De acordo com relatório divulgado pelo Banco Central nesta sexta-feira (24), a previsão para esse saldo passou de US$ 44 bilhões para US$ 51 bilhões.

Os embarques para o exterior, segundo o BC, devem encerrar o ano em US$ 200 milhões. Caso esse valor se confirme, será um avanço de 8,7% frente aos US$184,4 bilhões observados em 2016. No caso das importações, o Brasil deve registrar compras de US$ 149 bilhões neste ano.

(mais…)

Brasil e Uruguai discutem avanço na relação comercial

publicado em 24 de março de 2017

Secretário-executivo do MDIC, Marcos Jorge, se reuniu com o embaixador do Uruguai, Carlos Amorim

O secretário-executivo do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Jorge de Lima, discutiu hoje com o embaixador do Uruguai no Brasil, Carlos Amorim, temas de interesse nas relações comerciais entre os dois países, a serem tratados em mecanismo de diálogo bilateral. Entre eles, a Comissão de Comércio Bilateral (CCB), que terá a segunda reunião este ano, em Montevidéu.

A proposta é que o encontro ocorra ainda no primeiro semestre deste ano. Temas como a assinatura de acordos de investimentos e compras governamentais, integração produtiva e a criação de um Certificado de Origem Digital (COD) foram discutidos e devem ser levados à Comissão. Além disso, pautas como a exportação de erva-mate para o Uruguai, facilitação aduaneira e comércio automotivo também deverão entrar na agenda bilateral.

(mais…)

Portal Único coloca o Brasil em um novo patamar no mercado internacional, diz ministro

publicado em 24 de março de 2017

Ministro lançou Novo Processo de Exportações em cerimônia no Palácio do Planalto

O lançamento do Novo Processo de Exportações do Portal Único de Comércio Exterior (www.siscomex.gov.br) coloca o Brasil em um novo patamar nas relações comerciais internacionais. Foi o que disse o ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Pereira, durante solenidade no Palácio do Planalto, nesta quinta-feira.

“Temos no comércio exterior um importante vetor para a retomada do crescimento. Precisamos promover ganhos de competitividade e o Portal Único é, sem dúvida, um marco decisivo nessa direção”, afirmou. Para o ministro, o novo processo, que moderniza todo o sistema de operações de comércio exterior, está inserido em um esforço maior de transformação das exportações brasileiras em uma política de Estado duradoura e não “apenas uma muleta econômica em momentos de recessão interna”.

(mais…)

  • Anuncie Aqui

Página 1 de 29712345...102030...Última »